[ Resenha ] A Viagem do Tigre

Postado dia sábado, 2 de fevereiro de 2013

Nome:  A Viagem do Tigre
Autor:  Collen Houck
Editora:  Arqueiro
Páginas:  496
Minha avaliação:  ★★★★

Perigo. Desolação. Escolhas. A eternidade é tempo demais para esperar pelo verdadeiro amor? Em sua terceira busca, a jovem Kelsey Hayes e seus tigres precisam vencer desafios incríveis propostos por cinco dragões míticos. O elemento comum é a água, e o cenário de mar aberto obriga Kelsey a enfrentar seus piores temores. Dessa vez, sua missão é encontrar o Colar de Pérolas Negras de Durga e tentar libertar seu amado Ren tanto da maldição do tigre quanto de sua repentina amnésia. No entanto o irmão dele, Kishan, tem outros planos, e os dois competem por sua afeição, além de afastarem aqueles que planejam frustrar seus objetivos.

Em A Viagem do Tigre - terceiro livro da série A Maldição do Tigre - Kelsey, Ren e Kishan precisam concluír mais uma etapa da quebra da profecia e libertar os indianos que ainda vivem nos corpos de tigre, para isso é preciso encontrar o colar de pérolas negras de Durga.

Ren continua com sua estranha amnésia, sem conseguir se lembrar de nenhum momento que teve ao lado de Kelsey, apenas sabe que sente algo forte por ela. Já por outro lado, Kishan não perde tempo e investe cada vez mais para conquistá-la.

Mesmo depois de ter lido vários pontos negativos sobre o livro, eu tive imensa vontade em continuar com a leitura, e apesar não ter gostado de algumas partes, ainda continuo achando a série excelente. Só fiquei chateada pela mudança repentina de Ren, sempre tão fofo e gentil, tornou-se possessivo e machista, acabando totalmente com a imagem que eu tinha dele. Já no caso de Kishan, sua mudança, na minha opnião, foi para melhor, se tornou compreensivo, doce e muito adoravél.

Confesso que Kelsey me irritou um pouco, com sua total dúvida entre os irmãos, apesar de inicialmente ter decidido ficar com Kishan, era só Ren se aproximar que ela se rendia completamente, deixando Kishan meio que de lado. No início eu não tinha a menor objeção sobre com quem ela deveria terminar, sem sombra de dúvida ela faria um par mais que perfeito com o tigre branco, só que depois de vários acontecimentos, já acho que o melhor seria o tigre preto, pois se tornou um homem tranquilo e um verdadeiro porto seguro, com quem ela pode contar a qualquer momento.

Como sempre a autora nos dá uma verdadeira aula da cultura indiana. Novos lugares, personagens e há também uma exploração maior com os personagens Sr. Kadam e Nilima, que antes eram pouco envolvidos na trama. Collen coloca os irmãos em vários apuros, mas faltou aquele perigo que nos faz sentir medo pelos personagens. O perigo estava lá, mas infelizmente ela não soube desfrutar de mais ação e terror.

Independente da mudança dos personagens, da falta de momentos mais aterrorizantes, achei o livro ótimo. Collen mais uma vez conseguiu me prender na leitura do início ao fim. Agora espero ansiosamento pelo próximo, e pelo que soube, infelizmente, último livro da saga. Realmente vale a pena.



Espero que tenham gostado!
Beeijos ;*




5 comentários:

Bruna Gaudini disse...

Nossa, adorei sua resenha, muuito bem escrita!
Assim como seu blog, lindo!

Seguindo!
Beijos

Luana Montez disse...

Eu adoro os livros dessa série, então não sou a melhor pra falar sobre eles, mas de qualquer maneira, realmente gostei desse livro, apesar dele ter me feito surtar e ás vezes me sentir com o coração partido pelos personagens.
A parte da mitologia continua incrível como sempre, cada vez mais uma sendo ligada a outra, ficando impressionante.
Gostei da sua resenha :D
Beijos

katia Felix disse...

Oi Milly!
Primeiramente, devo dizer que AMEI seu blog. É tudo tão organizado e fofo. Simplesmente amei! Já estou seguindo aqui, e estou seguindo pelo twitter também *-*
Sobre o post, não li a resenha por medo de pegar spoiler, mas posso dizer que é uma série que pretendo começar a ler logo. Na verdade, quero ler o mais rápido possível pois parece ser realmente ótima.
Adorei o blog!

Beijos =*

Isabella Francine disse...

Concordo com tudo o que você disse. Eu não gostava do kishan no primeiro livro. Mas depois do fim do segundo, eu percebi que os papéis se inverteram. Passei a gostar muito do Kishan e achar o Ren até antipatico

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...